O Caminho Óctuplo do Budismo é o meio pelo qual a iluminação pode ser realizada. O Buda histórico primeiro explicou o Caminho Óctuplo em seu primeiro sermão após sua iluminação.

A maioria dos ensinamentos do Buda trata de alguma parte do Caminho. Você pode pensar nisso como um esboço que reúne todos os ensinamentos do Buda.
O caminho óctuplo

O Caminho Óctuplo é composto por oito ensinamentos primários que os budistas seguem e usam em suas vidas cotidianas: 

  • Visão correta ou compreensão correta : percepção da verdadeira natureza da realidade
  • Intenção Certa : O Desejo Desinteressado de Realizar a Iluminação
  • Fala Correta : Usando a fala com compaixão
  • Ação Correta : Uso de conduta ética para manifestar compaixão
  • Modo de vida correto : ganhar a vida por meios éticos e não prejudiciais
  • Esforço Correto : Cultivando qualidades saudáveis ​​e liberando qualidades prejudiciais
  • Atenção correta : consciência de corpo e mente
  • Concentração Correta : Meditação ou alguma outra prática dedicada e concentrada

A palavra traduzida como “certo” é  samyanc  (sânscrito) ou  samma  (pali), que significa “sábio”, “saudável”, “hábil” e “ideal”. Também descreve algo que é completo e coerente. A palavra “certo” não deve ser tomada como um mandamento, como em “faça isso, ou você está errado”.

Prática do Caminho

O caminho óctuplo é a quarta verdade das quatro nobres verdades . Basicamente, as verdades explicam a natureza da nossa insatisfação com a vida.

O Buda ensinou que devemos entender completamente as causas de nossa infelicidade para resolvê-lo. Não há conserto rápido; não há nada que possamos obter ou nos agarrar, que nos dê verdadeira felicidade e paz interior. O que é necessário é uma mudança radical em como entendemos e nos relacionamos com nós mesmos e o mundo. A prática do caminho é o caminho para conseguir isso.

A prática do caminho alcança todos os aspectos da vida e de todos os momentos. Não é apenas algo em que você trabalha quando tem tempo. Também é importante entender que essas oito áreas de prática não são etapas separadas para se dominar uma de cada vez. A prática de cada parte do Caminho suporta as outras partes.

O Caminho está dividido em três seções principais: sabedoria, conduta ética e disciplina mental.

O caminho da sabedoria

Visão correta e intenção correta compreendem o caminho da sabedoria. Visão Correta não é sobre acreditar em doutrina, mas em perceber a verdadeira natureza de nós mesmos e do mundo ao nosso redor. A intenção correta refere-se à energia e ao comprometimento que é necessário estar totalmente envolvido na prática budista.

O caminho da conduta ética

Fala Correta, Ação Correta e Modo de Vida Correto são o caminho de conduta ética. Eles nos chamam para cuidar de nossos discursos, nossas ações e nossas vidas diárias para não causar dano aos outros e cultivar a integridade em nós mesmos. Esta parte do caminho se liga aos Preceitos , que descrevem o modo como um ser iluminado vive naturalmente.

O caminho da disciplina mental

Através do Esforço Correto, da Consciência Correta e da Concentração Correta, desenvolvemos a disciplina mental para eliminar a ilusão. Muitas escolas de budismo incentivam os buscadores a meditar para alcançar a clareza e o foco da mente