Se lhe disseram que você deveria se concentrar em equilibrar o vata (pelo nosso questionário  ou por um profissional, uma das melhores coisas que você pode fazer é incorporar alimentos que pacificam o vata em sua dieta. O Vata é equilibrado por uma dieta de alimentos integrais recém cozidos, macios , ricos em proteínas e gorduras, temperados com uma variedade de especiarias e servidos quentes ou mornos. Esses alimentos acalmam o vata, lubrificando e nutrindo os tecidos, preservando a umidade e mantendo o calor – ao mesmo tempo em que apoiam a digestão e a eliminação ideais. A seguir, alguns princípios específicos que esperamos que o capacitem a descobrir uma dieta vata-pacificadora que funcione para você.

Antes de ler mais, entenda que seguir uma dieta pacificadora de vata é uma prática muito mais de autoconhecimento. Ninguém espera que você acorde amanhã de manhã e coma uma dieta perfeitamente pacificadora de vata pelo resto da sua vida! Até os professores ayurvédicos mais reconhecidos têm uma ocasional diferença de opinião, o que pode criar algumas discrepâncias entre a dieta ayurvédica e os recursos das receitas. O ponto é que, seguir com sucesso uma dieta pacificadora de vata não é uma questão de seguir um conjunto estrito de prós e contras ou de ficar muito atento nos detalhes. De fato, muitas vezes é muito mais útil prestar atenção às generalidades e aos padrões gerais. No final do dia, todos os passos que você toma para mudar sua dieta para ficar mais pacifica do que é hoje deve ser considerado vitórias.

Faça o teste e receba suas recomendações personalizadas!

Descubra seu Dosha através de um questionário e receba receitas e dicas para seu dosha!
Começar Quiz
Tenho dificuldades em memorizar as coisas
Sou do tipo magro
Normalmente sou bem indeciso
Estou frequentemente ansioso e preocupado
Tenho problemas em lidar com o clima frio
Falo muito rapidamente
Tenho tendência a transpirar facilmente
Costumo ter queimação no estômago
Muita gente me considera teimoso
Fico impaciente com facilidade
Tenho problemas com comida muito quente ou apimentada
Costumo ser muito crítico com os outros e comigo mesmo
Perco peso mais vagarosamente
É difícil eu me irritar facilmente
Como devagar
O clima frio e úmido me incomoda
Guardo o que sei e tenho memória longa
Preciso de pelo menos oito horas de sono, às vezes mais
Por favor, forneça as seguintes informações para ver os resultados
Nome
Idade
Endereço de Email
Veja as respostas

Pense no processo como uma intenção que você está mantendo e também como um convite poderoso para aumentar sua autoconsciência. Recomendamos que você comece percebendo onde poderá fazer pequenas mudanças em apoio à sua jornada de cura – em um ritmo tranquilo. A partir daí, observe as maneiras pelas quais essas pequenas mudanças o estão apoiando e onde talvez alguns de seus hábitos atuais não estejam bom. Se você gosta de uma comida que agrava o vata, observe como você se sente quando a come. Aumenta a presença de sintomas vata no trato digestivo (gases, inchaço ou prisão de ventre)? Há algo que você possa fazer para servir essa comida de uma maneira mais digestiva para vata – adicionando óleo extra, ghee e especiarias digestivas, ou servindo quente? E se sim, esses ajustes alteram sua experiência digestiva?

Use sua consciência em desenvolvimento para continuar a inspirar um pequeno passo à frente, acompanhando como sua saúde e bem-estar estão melhorando ao longo do tempo. À medida que você continua trabalhando com suas recomendações sobre dieta e estilo de vida ayurvédico, é provável que sua força digestiva melhore, o que acabará por apoiar sua capacidade de digerir alimentos mais desafiadores.

Está bem,  gostaria agora  de apresentar as qualidades que você necessita favorecer em sua dieta e, por outro lado, as qualidades que tenderão a ser inerentemente agravantes aos vatas. Por natureza, o vata é fresco, seco, áspero e leve; portanto, comer alimentos que neutralizem essas qualidades – alimentos quentes, úmidos, oleosos  e nutritivos – ajudará a equilibrar o excesso de vata. Esta seção oferece uma visão mais detalhada de como você pode começar a reconhecer as qualidades de diferentes alimentos. A intenção é oferecer a você uma compreensão mais intuitiva do que acalmará o vata, sem precisar fazer referências constantes a longas listas de alimentos a serem favorecidos e evitados.

Quente Sobre o Frio

A qualidade do calor pode ser enfatizada pela ingestão de alimentos que são energeticamente quentes e quentes em temperatura e pelo uso generoso de condimentos digestivos . Por outro lado, é melhor minimizar os alimentos com energia de resfriamento, como bebidas ou alimentos frios e congelados, bebidas carbonatadas, grandes quantidades de frutas e vegetais crus e até sobras que foram mantidas na geladeira ou no freezer. A qualidade do frio é inerentemente aumentada nesses alimentos; portanto, o cozido fresco é o melhor. 

Úmido e oleoso sobre o seco

A secura da Vata é compensada pela ingestão de alimentos cozidos, em vez de crus, pelo cozimento  de alimentos com quantidades generosas de óleos ou ghee de alta qualidade e pela hidratação. Beba bastante líquido, idealmente quente ou morno  – mas não mais frio que a temperatura ambiente. Além disso, alimentos úmidos, como frutas, melões, abobrinha e iogurte, ajudam a compensar a qualidade seca da vata, assim como preparações hidratantes, como sopas e ensopados. Alimentos oleosos como abacate, coco, azeitonas, soro de leite coalhado, queijo, ovos, leite integral (preferencialmente não homogeneizado), trigo, nozes e sementes também são geralmente muito bons . Faça o possível para minimizar os alimentos excepcionalmente secantes, como pipoca, biscoitos, batatas brancas, feijão e frutas secas.

Sobre aterrar, nutrir e estabilizar 

Embora a qualidade pesada seja a verdadeira antítese da leveza do vata, alimentos pesados ​​e densos podem facilmente atrapalhar  a digestão delicada do vata. Comer demais em uma refeição também pode ser excessivamente pesado; portanto, tente comer regularmente para evitar qualquer tentação de comer demais. Em geral, é melhor pensar em termos de aterrar a leveza do vata com o sustento – comer alimentos que ofereçam fontes sólidas e estabilizadoras de energia e nutrição profunda ao corpo físico. Geralmente, esses alimentos têm um sabor naturalmente doce. Exemplos ideais incluem grãos cozidos, leite com especiarias, vegetais de raiz, frutos cozidos, nozes e sementes. Alimentos altamente processados, como alimentos enlatados, refeições prontas e doces, geralmente são muito pesados, carecem de prana.(energia vital ) e geralmente são bastante agravantes para o vata. Da mesma forma, estimulantes, como cafeína, nicotina e álcool, devem ser  evitados, pois tendem a agravar vata.

Áspero

Há uma razão para que frutas e vegetais crus às vezes sejam chamados de volumosos ; seu conteúdo de fibra oferece uma qualidade muito grosseira. É por isso que o vata faz bem em resistir a grandes quantidades de vegetais crus e deve desfrutar de frutas cruas com moderação. Mesmo cozidos, alimentos como brócolis, couve, couve-flor, folhas verdes escuras e muitos feijões são excepcionalmente ásperos e devem ser consumidos com muita moderação enquanto você trabalha na pacificação de vata. Se você os comer, cozinhe bem esses alimentos e sirva-os com quantidades generosas de manteiga, óleo ou ghee e adicione algumas especiarias pacificadoras de vata. Por outro lado, comer alimentos e preparações com textura suave – coisas como bananas, pudim de arroz, cereais quentes, leite com especiarias, vegetais de raiz, sopas em puré e similares – podem realmente ajudar a aliviar a aspereza do vata.

alimentos pacificadores vata

Foto de: “Coma bem, fique bem: culinária ayurvédica para uma vida saudável”, conheça nosso e-book completo com 30 receitas

Sabores a Favor de Vata

Vata é pacificada pelos gostos doce, azedo e salgado e agravada pelos gostos pungentes, amargos e adstringentes. A compreensão desses sabores nos permite fazer melhores escolhas, quer tenhamos uma extensa lista de alimentos  pacificadores de Vata à mão.

Enfatizar

Doce

  • Favorecer alimentos naturalmente doces, como frutas, grãos, vegetais de raiz, leite, ghee, iogurte fresco, ovos, nozes, sementes, óleos e carnes magras.
  • O sabor doce é a base de uma dieta vata-pacificadora. É o sabor predominante na maioria dos alimentos básicos da vata e também a principal fonte de nutrição da vata.
  • Enfatizar o sabor doce não significa  que comamos quantidades de açúcar refinado ou alimentos açucarados. De fato, isso tende a exacerbar a tendência do vata a comer doces, escolha as frutas.
  • Alimentos naturalmente doces tendem a ser aterradores, nutritivos, fortalecedores e satisfatórios.

Azedo

  • Favorecer adições ácidas, como um pouco de suco de limão , um pouco de vinagre, , uma tigela de missô, uma fatia de queijo 
  • Frutas ácidas como uvas verdes, laranjas, abacaxi e toranja também são apropriadas quando consumidas separadamente de outros alimentos e com moderação. Estes são ótimos lanches vata-pacificadores.
  • O sabor azedo geralmente não é a peça central de uma refeição; em vez disso, tende a fazer sobressair os  outros sabores. 
  • O sabor azedo desperta a mente e os sentidos, melhora a digestão, promove a energia, umedece outros alimentos e ajuda a eliminar o excesso de vento (pense em gases e inchaço).

Salgado

  • O sabor salgado é quase singularmente derivado do próprio sal, mas favorecer o sabor salgado não significa que sua comida deve ter muito sal , use com moderação 
  • O sal já é enfatizado demais na dieta típica do Ocidente, portanto, basta ter em mente a inclusão de sabores saborosos e garantir que sua comida contenha pouco sal provavelmente será suficiente.
  • Ayurveda recomenda um sal marinho de qualidade ou sal mineral natural sobre o sal comum de mesa.
  • O sal estimula o apetite e a digestão, ajuda a reter a umidade, promove a eliminação adequada e melhora o sabor de muitos alimentos.

Minimizar

Pungente

  • Pungente é um sabor picante e quente como o encontrado em pimentões, rabanetes, nabos, cebolas cruas e muitos temperos especialmente quentes.
  • No entanto, com moderação, a maioria das especiarias suaves é bastante pacífica.  .
  • O sabor picante é quente, seco e leve; portanto, pode atrapalhar o vata.

Amargo

  • O sabor amargo predomina em verduras amargas (como couve, almeirão , e também é encontrado em alimentos como melão amargo, alcachofra , berinjela e chocolate.
  • O sabor amargo é refrescante, áspero, seco, leve e tendem a agravar o vata.

Adstringente

  • O sabor adstringente é basicamente um sabor de secura – um sabor calcário que seca a boca e pode causar uma contração (imagem mordendo uma banana muito verde).
  • Leguminosas são classicamente adstringentes no sabor – feijão azuki, feijão preto, ervilha ,grão de bico, feijão, soja e assim por diante.
  • O sabor adstringente também é encontrado em algumas frutas, legumes, grãos e assados ​​- coisas como maçãs, cranberries, romã, alcachofra, brócolis, couve-flor, alface, centeio
  • O sabor adstringente é seco, frio, pesado e de natureza áspera, tornando-o compreensivelmente agravante ao vata.

Como comer

Quando se trata de pacificar vata, como comemos pode ser tão importante quanto o que comemos, 

Vata  se beneficia  quando escolhemos comer em um ambiente pacífico – onde podemos oferecer toda a nossa atenção ao ato de ser nutridos. A própria rotina também equilibra o vata, de modo que a prática de comer três refeições  por dia (aproximadamente nos mesmos horários do dia) reduz ainda mais o vata e ajuda a fortalecer a digestão delicada. E, como já discutimos, o potencial agravante de muitos alimentos que agravam vata pode ser minimizado, assegurando-se de que eles sejam bem cozidos, servidos quentes e temperados generosamente com óleo, ghee especiarias digestivas. Mesmo visualizando sua comida fundamentando sua energia, nutrindo seu corpo e promovendo saúde e vitalidade, pode percorrer um longo caminho para pacificar os impactos negativos de uma comida que agrava vata. Experimente dedicar um momento para refletir sua comida dessa maneira, principalmente se você souber que está prestes a ingerir uma comida ou refeição especialmente fresca, seca, leve ou áspera. 

Por fim, como o vata requer nutrição regular, é melhor evitar o jejum. Se você sentir a necessidade de fazer uma limpeza de algum tipo, uma monodieta de kitchari é muito menos provocadora de vata do que uma fruta ou suco, e certamente é melhor do que um jejum total.

Refeições Sugeridas

Café da manhã

O café da manhã é uma refeição crítica quando o vata é elevado. Após um jejum noturno, o vata precisa de uma boa nutrição. Um café da manhã saudável geralmente é muito estabilizador para todo o sistema quando o vata é elevado, desde que não seja muito pesado para a capacidade digestiva.

  • Uma refeição que contenha ovos e torradas com manteiga é sempre uma boa opção para o vata e pode ser servida com legumes salteados ou abacate fresco, se desejado.
  • Cereais quentes – coisas como aveia , mingau de arroz , creme de arroz  – também são excelentes opções. Para um café da manhã mais rico e cremoso, os grãos podem ser cozidos no leite (ou um substituto), ou você pode adicionar um pouco de leite quente após o cozimento. Para tornar esta refeição ainda mais agradável ao vata, acrescente , amêndoas fatiadas a doce  com mel ou  e adicione especiarias quentes como canela, noz-moscada, gengibre, cravo e cardamomo.
  • Outro café da manhã delicioso é um batido de amêndoas e tâmaras,  feito de tâmaras ensopadas, amêndoas descascadas e descascadas e leite cozido (ou um substituto do leite) – misturado com especiarias quentes como canela e noz-moscada.

Almoço

Idealmente, o almoço é a principal refeição do dia, o que significa que é a maior e mais nutritiva das três. Grãos saudáveis, legumes cozidos e refogados, pães, sopas e ensopados são excelentes componentes para o almoço. Este também é o melhor momento para desfrutar de uma pequena salada, se estiver calor. Tente algo como:

  • Urad e mung amarelo dal com cardamomo e naan. Se quiser, decore esta refeição com coentro, pepino e uma pitada de iogurte.
  • Kitchari 
  • Macarrão de arroz ou nhoque com pesto, azeitonas pretas, pinhões, queijo e um pouco de beterraba marinada. Se quiser, adicione uma pequena salada verde com um molho oleoso, mas estimulante – como um vinagrete de limão e gengibre.
  • Sopa de abóbora, pão 

Jantar

O jantar é idealmente um pouco menor e mais leve que o almoço. Mas para acalmar o vata, ele precisa oferecer nutrição adequada. Sopas, ensopados ou uma porção menor do que foi servido no almoço geralmente se encaixam. Experimentar:

  • Arroz  com legumes salteados
  • Batata-doce assada e amanteigada com sopa de minestrone e feijão verde.

Priorize a alimentação regular, com alimentos, horários e quantidades adequadas ao dosha vata e adote uma abordagem consciente da alimentação. É um ponto de partida essencial para o equilíbrio e manutenção da sua Saúde! Se você tiver interesse em um um livro de receitas separado por Dosha, click abaixo.